principais projetos

Linha Sul | Metrô de Fortaleza | METROFOR

Gerenciamento, Apoio Técnico e Projeto Executivo

Companhia Cearense de Transportes Metropolitanos - METROFOR

Fortaleza - Ceará, Brasil

07/1998 / em andamento

O Primeiro Estágio da Linha Sul do Metrô de Fortaleza, com demanda inicial prevista de 360.000 passageiros/dia, está sendo implantado ao longo da Linha Ferroviária Tronco Sul, na área metropolitana de Fortaleza, entre a Estação Central Chico da Silva situada no centro histórico de Fortaleza e a Estação Carlitos Benevides no município de Pacatuba, sendo composto por:

  • Sistema Metroviário, de alta capacidade de transporte de passageiros (Sistema Móvel), num total de 10 TUE’s (trem unidade elétrico);
  • Sistemas fixos compreendendo: sistema de alimentação de energia, rede elétrica aérea, sistema de sinalização e controle, sistema de telecomunicações, sistema de controle centralizado, sistema de ventilação e outros;
  • Via dupla metroviária, desde o Centro de Manutenção, próximo à Estação Carlitos Benevides até o km 24,100, próximo à Estação Central Chico da Silva, compreendendo 3,9km em subterrâneo (região central de Fortaleza), 2,2km em elevado (pólo de Parangaba) e 18km superfície;
  • Via de carga em via singela, paralela à via dupla metroviária e independente desta, com extensão aproximada de 16km, interligando o Ramal Ferroviário do Mucuripe à Linha Tronco Sul;
  • Ligação Norte-Sul da Linha de Carga em via singela, com extensão aproximada de 16 km, interligando, a partir de Caucaia, a atual Linha Norte à Linha de Carga Sul, através de traçado independente, com objetivo de desviar o tráfego de trens de carga da área central de Fortaleza;
  • 20 estações de passageiros, desde a região central de Fortaleza até Pacatuba, sendo 4 subterrâneas, 2 em elevado e 14 em superfície;
  • Obras de Arte Especiais, como viadutos rodoviários e ferroviários, pontes, passagens inferiores, passarelas e outras, para contornar os problemas de interferência com outras vias de tráfego e transposição de cursos d’água;
  • Centro de Manutenção, em Pacatuba, agrupando as atividades de manutenção de material rodante e sistemas, Pátio de Cargas de Aracapé e Centro Administrativo e Centro de Controle Operacional (CCO).

O escopo dos serviços realizados pela SETEC HIDROBRASILEIRA envolveu o gerenciamento das obras, em andamento desde 07/1998, bem como os projetos executivos das obras civis, arquitetura e instalações de toda a linha, englobando vias (passageiro e carga), estações, pátio, obras-de-arte especiais, CCO e Centro de Manutenção.

  • Projeto de Infra e Superestrutura da Via Permanente, no trecho entre as Estações Carlitos Benevides e Central Chico da Silva (24 quilômetros), com dispositivos de atenuação dos níveis de ruídos e vibrações nos trechos elevado e subterrâneo;
  • Projeto completo das Obras Civis e Arquitetura das Estações Carlitos Benevides, Jereissati, Maracanaú, Virgílio Távora, Raquel de Queiroz, Alto Alegre, Aracapé, Conjunto Esperança, Mondubim, Manoel Sátiro, Vila Pery, Parangaba, Couto Fernandes, Porangabussú, Benfica, São Benedito, José de Alencar, Central Chico da Silva, Centro de Controle Operacional, Pátio de Estacionamento e Manutenção Vila das Flores, Elevado do Complexo Parangaba e trecho subterrâneo.
  • Análise dos projetos dos Sistemas Fixos:
    • Sistema de Alimentação de Energia com operação automática e telecontrolado;
    • Rede Aérea de Tração (3.000 Vcc) do tipo simples, auto-tensionada, com suspensão através de triângulos articulados e dimensionada adequadamente para o suprimento de energia aos Trens Unidades;
    • Sistema de Controle Centralizado de Tráfego e Suprimentos de Energia;
    • Sistema de Sinalização e Controle de Trens;
    • Sistema de Telecomunicações;
    • Sistema de Ventilação, através de exaustão sob as plataformas.
  • Coordenação Geral e de Planejamento e Controle; Acompanhamento Administrativo-Financeiro; Acompanhamento da implementação das Medidas de Reforço Institucional e das Medidas Mitigadoras Ambientais; Interface Projeto/Obra; Acompanhamento e Controle do Suprimento de Equipamentos (Material Rodante) e Sistemas (Sinalização, Telecomunicação e Energia); e Apoio Técnico.
Est. Central Chico da Silva
Est. Central Chico da Silva
Est. Jose de Alencar
Est. Jose de Alencar
Est. São Benedito
Est. São Benedito
Est. Benfica
Est. Benfica
Est. Porangabussu
Est. Porangabussu
Est. Couto Fernandes
Est. Couto Fernandes
Est. Couto Fernandes
Est. Couto Fernandes
Est. Parangaba
Est. Parangaba
Est. Parangaba
Est. Parangaba
Est. Vila Pery
Est. Vila Pery
Est. Manoel Satiro
Est. Manoel Satiro
Est. Mondubim
Est. Mondubim
Est. Esperança
Est. Esperança
Est. Aracape
Est. Aracape
Est. Alto Alegre
Est. Alto Alegre
Est. Raquel de Queiroz
Est. Raquel de Queiroz
Est. Raquel de Queiroz
Est. Raquel de Queiroz
Est. Virgílio Távora
Est. Virgílio Távora
Est. Maracanau
Est. Maracanau
Est. Jereissatti
Est. Jereissatti
Est. Carlito Benevides
Est. Carlito Benevides
Est. Carlito Benevides
Est. Carlito Benevides
Centro de Manutenção
Centro de Manutenção
Centro de Manutenção
Centro de Manutenção